O uso do programa GCompris no processo de formação dos professores e no acompanhamento pedagógico de estudantes com necessidades educacionais especiais

  • Vívian de Lima Maia SEEDF
  • Lucicleide Araújo de Sousa Alves SEEDF
  • Kalina Lígia de Almeida Borba SEEDF

Resumo

Este artigo objetiva apresentar o processo de apropriação e utilização do programa Gcompris como ferramenta tecnológica pedagógica no processo de formação dos professores. Reforça o potencial e contribuição do uso do software educativo também no processo formativo de acompanhamento pedagógico e no desenvolvimento de estudantes com necessidades educacionais especiais, cuja interação ocorre por meio do mouse e teclado, porém, sendo utilizados com os pés. A prática formativa ocorre por meio de oficinas pedagógicas oferecidas nas escolas públicas do Distrito Federal, pelos formadores dos Centros de Referência em Tecnologias Educacionais (CRTE). Trataremos dos resultados provindos da formação oferecida pelo CRTE de Samambaia, no ano de 2017. Os resultados da pesquisa focam-se nas concepções dos professores participantes da oficina Gcompris para o próprio processo de formação e na aplicação da oficina por uma das cursistas no processo formativo e de acompanhamento pedagógico de um de seus estudantes, portador de necessidades educacionais especiais. Utilizamos os dados a partir de um questionário online e relato da professora, os quais foram analisados segundo Análise de Conteúdo (Bardin, 2011). Concluímos que os jogos quando utilizados com criatividade, objetivos claros, sob a mediação didático-pedagógica interventiva do (a) professor (a), contribuem potencialmente para o processo de aprendizagem e desenvolvimento de si mesmo e dos estudantes.  Em um clima de prazer, envolvimento, há possibilidades de superação dos próprios limites, favorecendo deslocamentos no que diz aos processos formativos de aprendizagem e desenvolvimento de estudantes com necessidades educacionais especiais, por meio do acompanhamento pedagógico sensível, fundamentado e comprometido do (a) professor (a), eticamente, com o sujeito aprendiz.

Publicado
Ago 21, 2018
##submission.howToCite##
MAIA, Vívian de Lima; ALVES, Lucicleide Araújo de Sousa; BORBA, Kalina Lígia de Almeida. O uso do programa GCompris no processo de formação dos professores e no acompanhamento pedagógico de estudantes com necessidades educacionais especiais. Revista Com Censo: Estudos Educacionais do Distrito Federal, [S.l.], v. 5, n. 3, p. 44-53, ago. 2018. ISSN 2359-2494. Disponível em: <http://periodicos.se.df.gov.br/index.php/comcenso/article/view/487>. Acesso em: 14 nov. 2018.