A educação especial brasileira: avanços e retrocessos na educação de alunos com necessidades educacionais especiais à luz da legislação brasileira

  • João Paulo Santos Neves
  • Laís Simões de Moura Aires
  • Fernanda de Sousa Fernandes
  • Bruna de Araújo Costa

Resumo

O atendimento de crianças com deficiência, transtornos globais do desenvolvimento e altas habilidades/superdotação na educação escolar sofreu grandes modificações ao longo do tempo. Essas modificações foram inspiradas em diversas pesquisas realizadas por Vygotsky, Jean Piaget, Emília Ferrero e Ana Teberosky, juntamente com os avanços da psicologia e pedagogia de aprendizagem e desenvolvimento de diferentes métodos de ensino que contribuíram para as alterações da legislação brasileira, além de mudanças culturais e comportamentais. A educação de alunos com necessidades especiais que tradicionalmente se pautava num modelo de atendimento segregado, nas últimas décadas tem se voltado com grande força para o modelo da educação inclusiva que contribui para a acessibilidade, educação e trabalho, além de prever punição para atitudes preconceituosas e discriminatórias. O objetivo deste trabalho consiste em apresentar a trajetória da educação de crianças especiais à luz da legislação brasileira.

Publicado
Mar 27, 2018
##submission.howToCite##
NEVES, João Paulo Santos et al. A educação especial brasileira: avanços e retrocessos na educação de alunos com necessidades educacionais especiais à luz da legislação brasileira. Revista Com Censo: Estudos Educacionais do Distrito Federal, [S.l.], v. 5, n. 1, p. 196-201, mar. 2018. ISSN 2359-2494. Disponível em: <http://periodicos.se.df.gov.br/index.php/comcenso/article/view/355>. Acesso em: 24 jun. 2022.