O contexto escolar sob a perspectiva dos estudantes com altas habilidades/superdotação

  • Deise Soares Carrijo Birnbaum SEEDF

Resumo

Esta pesquisa visa analisar a organização das práticas pedagógicas no contexto escolar inclusivo que podem exercer influência na aprendizagem de estudantes com altas habilidades/superdotação (AH/SD), a partir de suas perspectivas. Para isso, se faz necessário identificar algumas características das atividades pedagógicas comumente desenvolvidas com esse público, de modo que possamos propor um espaço dialógico para melhor atender esses estudantes, que em sua maioria estão insatisfeitos com o que lhes é proposto e/ou proporcionado no ambiente escolar. É necessário um olhar atento e atitudes sensíveis para que seja possível atingir verdadeira e positivamente os estudantes com AH/SD, pois apesar das inúmeras pesquisas já realizadas, e dos atendimentos propostos pela Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal (SEEDF), esses alunos com altas habilidades ainda permanecem insatisfeitos. Há uma deficiência muito grande quanto aos materiais e atividades desenvolvidas. E, apesar de várias pesquisas revelarem isso, ainda há muito que se fazer. Faz-se necessário, também, mudar a ótica das pessoas que pensam que o aluno superdotado já tem muito e que não precisa de mais nada, que já é inteligente o suficiente e não precisa estudar, de modo a extinguirmos os mitos que rondam esse conceito.

Publicado
Mar 27, 2018
##submission.howToCite##
BIRNBAUM, Deise Soares Carrijo. O contexto escolar sob a perspectiva dos estudantes com altas habilidades/superdotação. Revista Com Censo: Estudos Educacionais do Distrito Federal, [S.l.], v. 5, n. 1, p. 179-186, mar. 2018. ISSN 2359-2494. Disponível em: <http://periodicos.se.df.gov.br/index.php/comcenso/article/view/329>. Acesso em: 24 jun. 2022.