Dançar na escola: uma experiência artística na Educação Especial

  • Belister Rocha Paulino

Resumo

Este relato de experiência analisa a dança no contexto da educação especial, partindo da vivência do Atendimento Interdisciplinar de Dança realizado em um Centro de Ensino Especial da rede pública de ensino do Distrito Federal e do meu percurso formativo na educação. Analisando que a dança no contexto escolar ainda está se desenvolvendo para mediação da aprendizagem, socialização, autonomia, percepção e expressividade artística, esse relato propõe uma reflexão sobre as atividades desenvolvidas no atendimento de dança, ressaltando aspectos da abordagem triangular para o ensino de Artes expressos nos Parâmetros Curriculares Nacionais, das proposições do Plano Distrital de Educação e do Currículo em Movimento da Educação Básica do Distrito Federal sobre a Educação Especial - além de se basear em pesquisas pioneiras no cenário nacional que relacionam dança e educação numa perspectiva contextualizada. Há o questionamento de como o trabalho com a dança pode ser desenvolvido na escola para a promover a criatividade e a percepção dos alunos com deficiência em suas possibilidades de movimento.

Publicado
Mar 27, 2018
##submission.howToCite##
PAULINO, Belister Rocha. Dançar na escola: uma experiência artística na Educação Especial. Revista Com Censo: Estudos Educacionais do Distrito Federal, [S.l.], v. 5, n. 1, p. 271-275, mar. 2018. ISSN 2359-2494. Disponível em: <http://periodicos.se.df.gov.br/index.php/comcenso/article/view/170>. Acesso em: 24 jun. 2022.