Diálogos extensionistas e trajetória escolar: a experiência artística com adolescentes em conflito com a lei

  • Andréia Mello Lacé Universidade de Brasília (UnB)
  • Lívia Silva Souza Universidade de Brasília (UnB)
  • Daniela Gomes Nascimento Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal (SEEDF)

Resumo

Este artigo objetiva apresentar os resultados da pesquisa desenvolvida na Unidade de Internação de Saída Sistemática (UNISS), no Distrito Federal, por meio do Projeto de Extensão “Educação Digital”, da Faculdade de Educação, da Universidade de Brasília em parceria com a Gerência de Acompanhamento da Socioeducação, da Secretaria de Educação do Distrito Federal (SEEDF). O Projeto se concretizou por meio de oficinas mediadas pela estratégia de ensino-aprendizagem da Poiese, cujas relações entre Educação e Arte, tal como presente nos pensamentos de Dewey (2010), Vigostsky (2001) e Freire (1989, 1996, 2000), fundamentaram as ações. Além disso, realizaram-se grupos focais, com o intuito de aliar os resultados obtidos nas oficinas com a percepção dos jovens acautelados sobre o processo de escolarização. Evidenciou-se a importância das estratégias aplicadas para a expressão criativa dos jovens, para o estabelecimento de vínculos e para identificar as especificidades do processo de escolarização de jovens em privação de liberdade.


Palavras-chave: Privação de liberdade. Arte. Educação. Trajetória escolar.


Extensionist dialogues and school trajectory: the artistic experience with adolescents in conflict with the law


Abstract: This article aims to present the results of the research developed at the Systematic Outgoing Internment Unit (UNISS), in the Federal District, through the Extension Project “Digital Education”, of the Faculty of Education of the University of Brasília in partnership with the Monitoring Management of the Social Education Department of the Federal District Education Department (SEEDF). The Project materialized through workshops mediated by Poiese's teaching-learning strategy, whose relationship between education and art, as present in the thoughts of Dewey (2010), Vigostsky (2001) and Freire (1989, 1996, 2000), supported the actions. In addition, focus groups were held, with the aim of combining the results obtained in the workshops with the perception of cautious young people about the schooling process. The importance of the strategies applied for the creative expression of young people, for the establishment of bonds and for identifying the specificities of the schooling process of young people in deprivation of liberty were highlighted.


Keywords: Deprivation of liberty. Art. Education. School trajectory.

Publicado
Nov 27, 2021
##submission.howToCite##
LACÉ, Andréia Mello; SOUZA, Lívia Silva; NASCIMENTO, Daniela Gomes. Diálogos extensionistas e trajetória escolar: a experiência artística com adolescentes em conflito com a lei. Revista Com Censo: Estudos Educacionais do Distrito Federal, [S.l.], v. 8, n. 4, p. 162-171, nov. 2021. ISSN 2359-2494. Disponível em: <http://periodicos.se.df.gov.br/index.php/comcenso/article/view/1275>. Acesso em: 27 maio 2022.