Breve cenário da Educação Básica do Distrito Federal - 2015 a 2019

  • Lucilene Dias Cordeiro Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal

Resumo

Conhecer os dados da educação básica no Distrito Federal é importante na medida em que possibilita avaliar sua evolução além de permitir que os gestores possam traçar políticas educacionais mais assertivas. Nesse contexto, este estudo, a partir de informações disponíveis no Censo Escolar da Educação Básica nos últimos cinco anos (2015- 2019), busca mostrar a evolução de alguns indicadores educacionais com ênfase nas escolas públicas. Os resultados mostraram, dentre outras tendências que, em 2019, foram registradas 657.869 matrículas de educação básica no Distrito Federal, sendo 68,31% na rede pública estadual vinculada à SEEDF. Entre 2015 e 2019, 99% das matrículas foram no ensino presencial. Em 2019, considerando a distribuição por etapa/modalidade, observou-se que, o percentual de matrículas na rede particular só foi maior nas creches. As informações sobre docentes mostraram que mais de 90% desses profissionais tem nível superior completo além de se encontrarem em maior número na rede pública vinculada à SEEDF. No quinquênio estudado também se observou aumento de 6,33% de escolas com educação básica. Esses resultados visam sensibilizar uma discussão das condições necessárias para a melhoria da qualidade da educação.

Publicado
Ago 27, 2020
##submission.howToCite##
CORDEIRO, Lucilene Dias. Breve cenário da Educação Básica do Distrito Federal - 2015 a 2019. Revista Com Censo: Estudos Educacionais do Distrito Federal, [S.l.], v. 7, n. 3, p. 13-26, ago. 2020. ISSN 2359-2494. Disponível em: <http://periodicos.se.df.gov.br/index.php/comcenso/article/view/930>. Acesso em: 28 set. 2020.