Ação educativa patrimonial em sala de aula: Brasília – cidade inventada

  • Adriana Lopes dos Santos Prado Universidade de Évora

Resumo

O presente texto explora as interfaces entre Patrimônio Cultural, Educação Patrimonial e Arte Visual. Com a intenção de relatar uma experiência em sala de aula, ocorrida no 1º bimestre do ano letivo 2019, com alunos do 7º ano do Ensino Fundamental II, de uma escola pública na cidade de Taguatinga/DF, inicialmente, realizamos uma introdução sobre os conceitos de Patrimônio e Patrimônio Cultural. Na sequência, apresentamos a importância do fomento e difusão da Educação Patrimonial enquanto mecanismo de preservação e conservação da memória e identidade, trabalhando a leitura da imagem, a contextualização dos conteúdos e o fazer artístico.


Palavras-chave: Patrimônio Cultural. Educação Patrimonial. Urbanismo. Arquitetura. Paisagismo. Arte.

Publicado
Ago 27, 2020
##submission.howToCite##
PRADO, Adriana Lopes dos Santos. Ação educativa patrimonial em sala de aula: Brasília – cidade inventada. Revista Com Censo: Estudos Educacionais do Distrito Federal, [S.l.], v. 7, n. 3, p. 227-230, ago. 2020. ISSN 2359-2494. Disponível em: <http://periodicos.se.df.gov.br/index.php/comcenso/article/view/778>. Acesso em: 28 set. 2020.